26 de jun de 2016

Corset para Tight Lacing é indestrutível? Dicas para não detonar o seu

Ontem rolou um tópico num grupo de TL no Facebook, e achei legal trazer pra cá pois é algo que está me incomodando há um tempo. 

A durabilidade do corset também depende o uso da peça
Um membro do grupo abriu um tópico relatando que depois de 6 MESES, eu disse, S-E-I-S MESES (o que é um tempo considerável de treino) uma das barbatanas do corset dela estava vencendo a canaleta, aquela ponta protetora da barbatana espiralada estava saindo e ela queria saber o que fazer neste caso.

No caso, a autora do tópico realmente estava procurando uma solução rápida e entendi a intenção dela, mas o que me incomodou mesmo, foram alguns comentários sem noção que se seguiram, logo que começou veio um:

ENTRE EM CONTATO COM SUA CORSETMAKER...


Sim, é EXATAMENTE isso que tem que se fazer, porém a seguir vieram:

"- Isso não pode acontecer, Pq isso ai já é feito pra apertar feito o cão Não tem desculpa pra eles falar q rasgou Pq forçou de mais Eles têm q trocar"

"- ...creio que foi realmente mal costurado"

"- Deus me livre uma peça cara dessa é ja rasgar com 6 meses de uso. Inaceitável"

" - Já passa a grife pra eu nem comprar lá!"

INFELIZMENTE vejo que muitas novatas (não todas), principalmente vinda de grupos de Facebook,  tem esta mesma percepção bem deturpada de um corset para Tight Lacing como ficou CLARO no primeiro comentário: "Isso ai já é feito pra apertar feito o cão..."

NÃO É BEM ASSIM NÃO! 


Eu realmente estou CANSADA de ver nestes mesmos grupos, corsets em poucos meses DETONADOS, do tipo que você tem dó de ver . Na "santa ignorância" de quem nem se presta a ler um simples texto, umas acham que apertando o corset sem fim, até o talo ficando horas a fio com a peça, vão atingir os resultados mais rápidos. Juro, estas eu tenho PENA e MUITA, justamente porque tem TANTOS exemplos, relatos e textos que deixam CLARO que no Tight Lacing o aperto GRADUAL, LENTO E SEM EXAGEROS é o que traz resultados mais duradouros (veja aqui). Mas sempre tem A LOUCA DO CORSET que acha realmente que se atochar é a solução de tudo.

imagem da internet apenas para ilustrar - corset gringo

CORSET, principalmente os para Tight Lacing, NÃO É ETERNO! A durabilidade de um corset TAMBÉM depende SIM do uso dele, da intensidade do treino e manuseio da peça feito pela lacer, além lógico, da qualidade dos materiais (dos quais acredito eu que todas as grifes indicadas neste blog fazem uso de materiais bons), eu mesma tenho ainda meu primeiro corset feito em 2005 tinindo, mas veja alguns pequenos detalhes que podem acontecer com o uso diário de um corset que danificam a peça e você nem se da conta:

COISAS QUE VÃO DETONAR SEU CORSET RAPIDINHO

  • A LOUCA DO CORSET: Esta é conhecidíssima, já começa com o corset no talo, puxa as cordas sem fim como se não houvesse amanhã. Mal sabe ela que o que vai rápido, vem rápido (veja aqui);

  • POSTURA: Aquela pessoa que não tem uma postura correta que quando se senta joga todo o peso do corpo pra frente, com isso, pelo peso colocado na frente - ela força as barbatanas dentro das canaletas e com o tempo elas acabam rasgando o tecido;

  • ROUPA: Atrito diário do cós de uma calça jeans em cima do corset vai desgatar o tecido (veja aqui);

  • LINGERIE: Atrito da base do sutiã ou até o ferrinho do sutiã na parte de cima do corset pode sim desgatar o tecido (veja aqui);

  • VÍCIO DE USO: Usar as sobras da corda/amarração como cinto em volta do corset, isso detona seu corset, pode até alterar o shape da peça (veja aqui) e até manchar sua pele (veja aqui);

  • VÍCIO DE USO: A pessoa não amarra o corset corretamente, com o tempo isso pode forçar o corset mais de um lado do que de outro, entortar as barbatanas e até deixar o corset todo inclinado (veja aqui);

  • VÍCIO DE USO: Depois de um dia longo de uso a lacer tira o corset e já enfia dentro de uma gaveta.

    O ideal é que você deixe a peça ao menos em um lugar fresco para ventilar, por mais que você use o liner, que além de proteger a pele também ajuda a absorção do suor, você precisa ter este cuidado. Já vi casos de corsets onde o tecido já tinha pontos de bolor e a pessoa nem se dava conta disso - o que além de danificar o tecido pode contribuir para possíveis alergias. Já vi outras que mal lavam seu corset depois de anos praticando o Tight Lacing;

  • VÍCIO DE USO: Abrir o corset com ele fechado nas costas.

    Sim, por incrível que pareça muitas fazem isso ao invés de desfazer as amarras atrás do corset, folgar a peça e dai sim abri-lo pelos busks (fecho frontal). Com o tempo esta prática vai danificando os encaixes do próprio busk.

  • VÍCIO DE USO: Não encaixar todos os fechos do busk corretamente ANTES de amarrar o corset atrás.

    Este é aquele caso que a pessoa achou que o já fechou o corset na frente e amarra na parte das costas, sai linda leve e solta pelas ruas com seu corset MAS, ela não se certificou se todos os fechos na frente estavam bem encaixados.

    É bem comum quando você consegue encaixar um dos fechos do busk um ou outro desencaixe e a gente nem vê! Se isso for frequente a pessoa sem querer vai jogar o peso do corpo (ou mesmo a tração do corset depois que amarra) apenas em determinados fechos e ele vai estourar. Digamos que a força não será distribuída de forma igual em todos os fechos do busk, apenas alguns deles vão aguentar o "tranco".

    Sempre falei que quebrar um busk era pra quem tinha o DOM, mas comecei a acompanhar mais os poucos casos que vi e notei este detalhe. Portanto, fique atenta a isso na hora de fechar o seu corset! (veja aqui mais detalhes de como fechar seu corset)

  • VÍCIO DE USO: Usar o corset durante uma atividade física ou mesmo durante aquela faxina pesada dentro de casa.

    Que já está mais que avisado que não pode usar corset durante uma atividade física isso a gente está cansada de saber (veja aqui num dos últimos updates), mas a bichinha resolve fazer aquela faxina pesada dentro de casa no melhor estilo "DOLAR SÉCSY".

    Não, não e não! Isso é a mesma coisa que se estivesse fazendo uma atividade física na academia. Passar um paninho dentro de casa, dar uma varrida em casa usando um corset, ok! Para atividades pesadas, tire o corset, deixe de ladinho, terminou? Aproveite tome um banho e coloque o corset de novo. Não da tempo? Simples, não use o corset no dia da faxina pesada, deixe pro dia seguinte.

  • TECIDO DO CORSET: Corsets em tela de algodão são mais frágeis por natureza. Todas que compram este tipo de corset já sabem desta informação, por isso você TEM que tomar um pouco mais de cuidado no uso. Usar um corset em tela todo estrangulado no talo é pedir pra tela ceder bem mais rápido em pouco tempo e até rasgar. Neste video, clique aqui, tem um detalhe sobre corsets em tela de algodão que passa desapercebido por muitas que compram, sobre reforma destes corsets; 

  • ETC, quando eu for lembrando vou completando aqui...

AH IRIS, MAS EU CUIDO DO CORSET!


Eu juro que não duvido disso, tem casos e casos, MAS sendo bem sincera, do que vejo pelos grupos de Tight Lacing no Facebook, a MAIORIA houve descuido por parte da lacer SIM, justamente nestes "pequenos" detalhes que é NATURAL acontecer com o tempo de treino e pela correria do dia a dia.

PORTANTO, antes de sair caindo de pau na grife numa rede social (o que não foi o caso da autora do tópico que mencionei, ela realmente queria uma ajuda rápida) REPORTEM o caso PRIMEIRO para as corsetmakers. É justamente este feedback das clientes que elas podem EVOLUIR no trabalho delas e se for o caso, te orientar e JUNTAS descobrir o que pode estar acontecendo de errado para que a peça tenha danificado daquela forma.

Abaixo deixo parte do comentário da corsetmaker que fez o corset do qual foi relatado o caso, não vou expor a grife pois REALMENTE o caso NÃO FOI a falta de qualidade da peça, mas sim o manuseio dela ao longo destes S-E-I-S meses de treino:


Corsets não são peças indestrutíveis como vi algumas pessoas aqui achando que são, peças destinadas ao uso diário já estão pré dispostas a um desgaste maior, e obviamente isso irá variar da intensidade do treino de cada pessoa e de vícios de uso, e isso tbm não significa que a pessoa q está usando sempre seja enquadrada como descuidada e nada de outros adjetivos feios, pois as vezes acontece de por exemplo algo como o sutiã está pegando em cima, o cós da calça raspando, e varias outras possibilidades estarem la acontecendo, dia após dia, e ela nem se dar conta ainda, até chegar a dia a q peça vai rasgar ali naquele local. Não tem como nenhuma marca ser responsabilizada por coisas relativas ao uso pois infelizmente são coisas que ocorreram com a peça já sob supervisão da própria usuária, a menos que seja algo totalmente fora da alçada da usuária. Obviamente cada caso é um caso, e tem que ser sempre analisado individualmente.

É importante q as aspirantes a tightlacers tentem manter sempre um relacionamento saudável e respeitoso com as marcas, pois um depende do outro. Sim é isso mesmo, a coisa não termina após o recebimento da peça, até enquanto os corsets de vcs existirem e o treino durar, vcs irão precisar das marcas, seja para pedir auxilio com a peça, para tirar duvidas relativa ao uso ou ao treino, para fazer relatos, e principalmente quando precisarem solicitar ajustes ou reformas, e para as marcas tbm é muito importante ter review de usuárias sobre coisas relativas aos seus trabalhos, pois só com base nisso é q fazemos alterações.

Neste mesmo post estou vendo gente relatando casos que acorreram com outras marcas e a pergunta que eu faço a vcs, é, vcs relataram isso para os corsetmakers de vcs? E pq não? Ei o que estáa esperando ainda para mandar um e-mail para eles? Como esperam que eles descubram se vcs não disseram ainda?

Gente, praticar tl não é só colocar um corset não, vou dar um exemplo de quando alguém vai ao médico pede exames, faz os exames ou não, mas sabe que tem retorno só q nunca mais volta, não tem como o médico saber se os exames foram feitos e oq deu, se a pessoa mudou de médico, se ainda vive... E tbm é assim com o treino de vcs. Pensem bem nisso!


Bom, é isso, QUALQUER PROBLEMA PROCURE PRIMEIRO SUA CORSETMAKER!

Não se esqueça, na lateral do blog você encontra diversos links para os tópicos mais importantes, caso esteja no celular - basta clicar aqui. Todos os links estão na medida do possível organizados por nível de importância, desde coisas para saber antes de compra um corset como depois de comprar um corset, tem tudo que você precisa de informação para iniciar a prática.


PARA COMPLETAR


Flossing - O que era uma forma de proteger o corset, hoje pode mudar o visual do seu




0 comentários:

Postar um comentário