10 de abr de 2016

Escoliose x Tight Lacing

Este é um dos assuntos recorrentes nos grupos de Tight Lacing. Fui verificar o que tinha publicado aqui no blog e não tinha nada muito preciso, então resolvi fazer este post.

A escoliose é o encurvamento anormal da coluna vertebral, que provoca dor lombar e nas costas

Infelizmente quando você procura pelo assunto em sites de buscas, logo vem uma publicação de uma pessoa, na época, BEM inexperiente no Tight Lacing que, acredito eu, no desespero comprou um CORSELET xing-ling numa tentativa de melhorar sua escoliose de grau bem significativo usando uma peça mais "bonita" do que a peça que é mais apropriada para o caso de graus de escoliose mais elevados, que seria um COLETE ORTOPÉDICO, no decorrer do texto da sua "descoberta" ela exibe fotos usando a peça de CABEÇA PARA BAIXO!

NÃO ESQUEÇA, NÃO INICIE O TIGHT LACING SEM LIBERAÇÃO MÉDICA!

Lembro do caso que citei acima, na época acompanhei de longe apenas pela publicação e nele a autora mencionou que houve acompanhamento médico.

Sinceramente falando, sei lá viu, mas eu DUVIDO que um médico responsável num caso de um grau elevado de escoliose substituiria um colete ortopédico por um CORSELET xing-ling. Mesmo depois de avisos de erros em algumas informações no texto da publicação, o uso do termo errado para se referir, o que na verdade era um CORSELET, a ultima atualização foi:

Eu não alterei minha opinião nem o conteúdo do assunto, mesmo sofrendo represálias mantenho minha postura sobre minha prática. Não me venha chamar de irresponsável por divulgar MINHAS experiencias na Internet, cada qual sabe de sí e todo mundo aqui já é bem crescidinho pra arcar com as próprias decisões certo?

Pois é, nem todo mundo que usa a internet para pesquisa é maior de idade e tem discernimento suficiente, ainda mais na Era do analfabetismo funcional, né?

Como o BOM SENSO virou artigo de luxo e responsabilidade com o que publica na internet ainda mais, tentarei esclarecer umas coisinhas.

O ORTOPEDISTA é o único que pode avaliar os riscos e benefícios da prática para as suas necessidades.

Sher, corsetmaker da Madame Sher Corsets

Cada caso é um caso, mas já vi alguns de grau BEM leve e os médicos liberam para prática do Tight Lacing, mas já fique preparada, em graus altos de escoliose, e quase certo que ele nem libere e nem se coloque à disposição para acompanhar você durante o Tight Lacing, o que, ainda mais nestes casos, é primordial o acompanhamento.

CUIDADO ao comprar um corset, no caso da moça na verdade ela fez uso de um CORSELET xing-ling, com tamanho padronizado e que não respeitava as proporções do corpo dela, leia mais aqui sobre falsos corsets.

Dhy, corsetmaker da Saturnine Corsets

Caso queira ver outros assuntos ligados a SAÚDE x TIGHT LACING, clique aqui.

Não se esqueça, na lateral do blog você encontra diversos links para os tópicos mais importantes, caso esteja no celular - basta clicar aqui. Todos os links estão na medida do possível organizados por nível de importância, desde coisas para saber antes de comprar um corset como depois de comprar um corset, tem tudo que você precisa de informação para iniciar a prática.


PARA COMPLETAR


Existem corsets específicos para quem tem escoliose feitos pela CONTOUR CORSETS, porém NUNCA vi nada no Brasil e não sei se algum dos corsetmakers que são os mais procurados fariam este tipo de corset devido a sua complexidade, da necessidade de um acompanhamento bem de perto do caso, provas e mais provas até sua confecção. Acredito ser algo realmente complexo e bem sério que não seria qualquer um para se aventurar em fazer algo do tipo.


De qualquer forma fica ai a dica de alguns links APENAS para curiosidade:

Asymmetric Corsets for Scoliosis
Using Corsets as part of Scoliosis Correction
VIDEO: Corsets and Asymmetry (including scoliosis)




2 comentários:

Riscos, rabiscos e coisas de Carol . . . disse...

Acabei de ler o depoimento que você citou, realmente achei muita irresponsabilidade da pessoa, mesmo ela editando posteriormente e falando que era apenas experiência própria.
Deveria ter admitido então que estava fazendo algo errado e perigoso para a saúde dela. Enfim, tenho um grau baixo de escoliose, mas vou passar no ortopedista para que ele possa avaliar.
Obrigada pelas informações :)

Riscos, rabiscos e coisas de Carol . . . disse...

Acabei de ler o depoimento que você citou, realmente achei muita irresponsabilidade da pessoa, mesmo ela editando posteriormente e falando que era apenas experiência própria.
Deveria ter admitido então que estava fazendo algo errado e perigoso para a saúde dela. Enfim, tenho um grau baixo de escoliose, mas vou passar no ortopedista para que ele possa avaliar.
Obrigada pelas informações :)

Postar um comentário