20 de set de 2015

Tight Lacing é só prática?

NÃO! Tight lacing NÃO é só amarrar o corset até sua cintura ficar minimamente pequena, tão pouco ter a obrigação de ter 50 mil corsets no seu armário. No decorrer desta publicação vocês vão entender o motivo.

Ontem tive um diálogo um tanto interessante com uma moça (que usa um perfil fake para relatar seu tl) num grupo que entrei recentemente e achei legal trazer pra cá.

Pois bem, segundo ela depois de um comentário de outra moça considerada "tightlacer avançada” (não sei de onde tiram estes rótulos), ela afirmou que existiam pessoas que falavam muito de tight lacing mas nunca tinha visto os resultados delas.

Imediatamente tomei pra mim a insinuação, afinal, no comentário anterior eu dei uma explicação de alguma coisa que achava importante a se considerar sobre a prática e ja não era a primeira vez que tinha lido algo semelhante dirigido a mim feito - sem citar nomes - por outras duas meninas mais novas, estas recém chegadas no Tight Lacing que antigamente era algo bem mais selecionado/reservado e restrito a um pequeno grupo que realmente tinha interesse real sobre a prática e a história dos corsets.

Quando indaguei se a insinuação era para mim, a resposta veio de imediato. E foi mais ou menos assim:

“A pessoa pode falar sobre a prática, mas tight lacing não é só teoria tem que praticar para saber.”

Concordo em parte com o que foi falado e imediatamente falei que estava mais aliviada, pois SIM, eu pratiquei TL e fiz um blog onde diariamente contava sobre minhas dificuldades e minha evolução inclusive montando uma tabela de medidas, que semana a semana eu preenchia. Então veio a segunda colocação da moça depois que leu meu comentário:

“Mas você pode falar qualquer coisa, suas medidas não me interessam eu quero VER a evolução, as tight lacers avançadas mostram a evolução.”

WHAT?????????? Logo pensei. Então quer dizer que o tempo que vim para este blog lá em 2005 todo santo dia falar das minhas dificuldades, do calor que passei usando corset, da assadura que fiquei, da dor que tive na parte de cima do tórax que onde descobri que era porque eu relaxava meus ombros e jogava todo meu tronco em cima do corset  - era tudo uma fantasia ardilosa que foi trabalhada minuciosamente para enganar as pessoas?

Peguei um fôlego e pensei, ela não tem culpa de pensar assim, ela acabou de chegar no mundinho do tight lacing e hoje esta geração mais nova (leia-se até 25 anos com mentalidade de 13 anos / ano 2015), a geração selfie onde qualquer evento por mais fútil que seja é motivo de registro fotográfico, precisar VER para acreditar em algo, mesmo sabendo que existem milhões de aplicativos que facilitam a manipulação de uma imagem.

Então expliquei a ela bem resumidamente o que já está espalhado neste blog e também na página QUEM SOU, mas aqui posso explicar melhor. Em 2005, quando fiz TL não existia nada sobre o assunto no Brasil, então como me interessei pelo assunto comecei durante meu treino a ler mais sobre ele, o que lia em inglês (eram os únicos matérias que encontrava na época) eu traduzia e colocava no blog e durante isso também contava sobre meu treino. Infelizmente na época eu gostava de tirar fotos muito mais de corset do que sem, eu me baseava APENAS nas medidas para ver se estava evoluindo ou não, as poucas fotos que eu tinha comparativas se perderam pois onde eu as hospedava, numa rede social que se chamava Multiply, foi desativada e nem me mandaram um email sequer para eu ter tempo para salvar o que tinha lá. Ou seja, pode ser que tenha foto no blog espalhada mas as poucas que fiz na época comparando algo se perderam, e não da pra voltar no tempo. O que restou de significativo ao meu ver foi meu relato, que SIM, é verdadeiro! Por isso que há anos eu falo, meninas tirem fotos para acompanhar a evolução muitas vezes a imagem mostra mais do que as medidas, falo isso pois por experiência própria eu cometi o erro de apenas me basear nelas. Vocês acham que quando falam nisso quem foi é que disse primeiro? o/ Pois é, eu!

(lembro que usava a câmera com disparo automatico/timer e um tripé... tinha q sair correndo pra ficar na frente da camera - rs) 

Nunca tive pretensão de chegar a medidas mínimas, queria algo natural já que meu corpo já era de ampulheta - e ainda é. Eu preso e MUITO pela minha saúde, cada um faz do corpo o que quiser, mas eu antes tomei MUITO cuidado, para não colocar um ideal, não porque não estava ao meu alcance - pois ele estava e ainda está se eu quiser voltar ao Tight Lacing, mas porque eu preso pela minha saúde e meu corpo.

Tight lacing não é só pratica, não é só fazer exercícios,  amarrar o corset estrangulando a cintura loucamente para chegar a uma cintura micro, ficar publicando o “feito” em redes sociais, postar fotos e mais fotos com uma cintura absurdamente estrangulada e virar referência para garotas que mal tem discernimento suficiente para entender o quão a prática é perigosa quando não se toma certos cuidados. Tight lacing é se informar, pesquisar e MUITO para não cometer erros que lá na frente não tem mais volta. Mesmo você fazendo exercícios você pode SIM ter problemas de saúde se você passa do limite.

Cathie Jung - tightlacer avançada que já é dependente do corset. Se quiser ver um vídeo dela com mais detalhes, clique aqui

Existe e EU JÁ VI, e isso foi logo que entrei neste grupo que mencionei no inicio deste texto, tightlacer dita como “avançada” (não sei quem criou estes rótulos, por isso as aspas) elogiando e curtindo fotos de garotas onde estas estavam com o corset atochado no corpo e atrás uma abertura gigantesca. (não me perguntem quem é pois não vou dizer nem a pau, mas está la no grupo aberto pra todo mundo ver, se você é realmente esperta espero que depois deste texto comece a notar estes detalhes.)

Depois que vi as atrocidades no tórax e bacia, reparei que nem admins do grupo, nem as tais “tight lacers avançadas” estavam vendo os absurdos (ou tinham conhecimento para alertar) que cheguei ao ponto de ter que DESENHAR e colocar na imagem letras garrafais alertando sobre os perigos dos corsets com medidas irresponsáveis no tórax e bacia. No grupo surgiu a "A lenda urbana do corset com ancas" e que AINDA BEM depois deste texto, a administração do grupo soltou, digamos, "uma nota oficial" dando respaldo a informação que eu já tinha em meu blog e em outro grupo do qual eu participava mais.

EU JA VI tightlacer “avançada” dizer que tem ene corsets, da grife mais barata a mais cara e falar no grupo que todas as peças que tem são perfeitas mas quando vai treinar ela faz com a grife mais cara (as duas mais caras) e que tem muito mais qualidade, mas quando alguém no grupo pergunta se a baratinha é boa, sem pestanejar ela fala que é perfeita pra não se queimar com a grife. (este quesito "perfeição" que sai da boca de algumas me irrita PROFUNDAMENTE)

Tem lacer "avançada" que só tem uma silhueta ampulheta quando está de corset e dai sim ela consegue sempre tirar foto de corpo inteiro e de frente. As fotos sem a peça são de lado ou sempre exibem marcas profundas do corset recém tirado do corpo para fazer as fotos em posições inclinadas que sempre destacando outras partes do corpo do que a cintura em si. O tórax está como um funil, toda a cintura foi alongada e a curva da cintura para o quadril não está suave, tem uma quebra na gordura e a curva ficou acentuada. As fotos da evolução fica nítido como o corset mal feiro usado por ela ao invés de melhorar a silhueta moldou o tronco em formas anatomicamente bizarras que não respeitaram o corpo da moça.

EU SEI que tem tightlacer “avançada” que está com a cintura toda marcada e que a mancha que ela adquiriu por ter sido irresponsável com o treino já não sai mais do corpo e ela luta há meses para a mancha sair. Eu sei que tem tightlacer “avançada” que teve problemas de saúde mas que estranhamente não liga o problema a irresponsabilidade ao tight lacing.

Existe  tightlacer “avançada” consciente e responsável? Hummmm, sim existe. Mas não são todas não, e disso tenho ABSOLUTA certeza. As tight lacers consideradas "avançadas" todas elas tem conhecimento profundo sobre a prática? NÃOOOOOO, conta-se nos dedos. A maioria HOJE desta nova "safra" de lacers, só se permitem estrangular o corset sem fim e publicar as fotos do feito em 2/3/4 grupos no melhor estilo "caça-likes".

Nunca expus abertamente isso que sei e nunca coloquei abertamente o que acho disso (mas em off já para alguns corsetmakers e algumas garotas que chegam a mim), mas eu DE VERDADE não sei como uma pessoa consegue dormir tranquila sabendo que virou referência de um ideal e estar contribuindo para outra pessoa FODER com a própria saúde dela. Pode não ser agora, mas lá no futuro veremos SIM - meninas com sérios problemas de saúde e o pior, não vão se dar conta que foi pela própria irresponsabilidade que teve no passado.

Se você é daquelas que mesmo lendo tudo que leu até agora continua com o pensamento de um cérebro atrofiado e acha que só pode falar de Tight Lacing alguém que possui uma foto de uma cintura absurdamente estrangulada e tem que ter  50 mil corsets, sinto em te dizer FIA, mas você está IMENSAMENTE enganada e tenho até pena por você pensar desta forma. Nem sempre a aparência de uma cintura estrangulada vem unida com uma bagagem bem embasada para poder compartilhar algo bacana pra quem está a fim de fazer um Tight Lacing realmente saudável que não venha a te prejudicar lá na frente.

Leia muito, não pare de pesquisar sobre o tight lacing e sobre corsets, cuide do seu corpo e da sua saúde!

Não esqueça, na lateral aqui do blog tem os tópicos mais importantes que você precisa ler antes mesmo de pensar em comprar um corset. Com certeza eles vão te ajudar a esclarecer muitas dúvidas e te alertar sobre diversos detalhes.


Tight lacing é assunto sério!




[ PARA DISTRAIR ]


Pois é Cathie, não fazem veteranas como antigamente :/ Nem eu sou uma! E nem quem é de fato veterana fica rotulando a si mesma como uma... tá puxado!


Gente, PAREM! Falo de boa! Ta ficando chato estes rótulos e classificações sem sentido! É pra colocar no currículo pra emprego? Não entendo qual a necessidade da turminha que chegou agora no TL estabelecer este tipo de classificações/rótulos, ainda mais quando é tão nítido em muitos casos que nem sempre quem atingiu um "resultado" em pouco tempo vem unido um real entendimento sobre o Tight Lacing e inclusive sobre corsets. Simplesmente, PAREM! Ta ficando chato!


(aspas na palavra resultado, pois tem gente que fala que está fixo mas nunca ficou algumas semanas sem a peça) 




3 comentários:

Marla disse...

Iris, usei seu blog como referencia para começar minha pratica e o uso até hj para me manter infoada e tirar dúvidas, e toda vez que vc posta eu percebo coisas equivocadas que estava praticando e modifico meu treino! Muito obrigada pelo trabalho social que vc faz! Muito obrigada por me ajudar na minha pratica de tigh lacing! 👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻

Iris • IFD disse...

;) obrigada pelas palavras!!!

Núbia Machado disse...

Estou lendo o blog inteiro e já marquei os médicos antes de inciar a prática. Obrigada por tantas informações úteis e objetivas.

Postar um comentário