14 de set de 2013

Os efeitos colaterais do tight lacing exagerado/extremo



Olá, hoje postaram um vídeo bem interessante no grupo de Tigh Lacing Brasil no Facebook e resolvi vir aqui compartilhar no blog juntamente com um texto que foi traduzido pela Dhy, corsetmaker da grife Saturnine Corsets.

Acredito ser de suma importância saber o que o tight lacing promove no organismo, do mesmo modo que vemos a bula quando queremos saber prós e contras de algum medicamento, segue-se o texto sobre "efeitos colaterais" de um corset, lembre-se isso só acontece em casos EXTREMOS onde o treino foi exagerado (como a do vídeo, que é a Cathie Jung):

FORMATO CORPORAL


Quando uma mulher é submetida à muitos anos de uso do corset bem apertado à partir da juventude, seu corpo acaba se tornando uma cópia da peça. Este fato está relacionado com a compressão das costelas flutuantes, remodelando a porção inferior do tórax irreversivelmente para a forma de um estreito cone. Esse processo foi denominado "waist training" (treino da cintura) ou "figure training". Mesmo waist cinchers modernos e cintas reforçadas, se usados durante muitos anos, podem causar mudanças corporais permanentes, obviamente num grau menor. As cinturas severamente remodeladas e apertadas geram uma adaptação forçada dos órgãos internos à pressão artificial sofrida.

Você que tem mania de compartilhar esta imagem como representação do Tight Lacing, PARE AGORA! Isso é uma imagem tosca que retrata casos EXTREMOS e o pior, onde houve uma modificação não só das costelas flutuantes, como da caixa torácica devido ao uso de um corset com reduções TOTALMENTE irresponsáveis, coisa que acontecia muito na época Vitoriana. Aliás se ver alguma evolução que a pessoa está IGUAL um funil, e que o tórax foi nitidamente deformado, CUIDADO, certamente o corset usado foi da grife açougueira.
Ilustrações de livros de séculos atrás que mostram os exageros do Tight Lacing da época Vitoriana. CORRA de grife que deixa o tórax igual um funil.
Ethel Granger - 33cm de cintura | Tight Lacer Extrema | Corset com a silhueta Pipe Steam
Emilie Marie Bouchaud - Polaire
Fakir Musafar - 19 inches 1959 - Não era um TIght Lacer propriamente dito, apenas conseguia usar corsets extremamente pequenos, ele é considerado o "pai" da modificação corporal, tudo que há de extremo ele já fez e experimentou. A cintura dele é bem normal em fotos mais recentes com 85 anos (pesquise na net)
O corsetmaker Mr. Pearl
Aleira Avendano
DIAFRAGMA

O diafragma é empurrado para cima, imobilizado e se torna inútil para a respiração, fato que continua não sendo observado nos casos de auto colocação da peça. O que com certeza é notado é a respiração totalmente torácica (e não torácica e abdominal) observada nas waist trainers.


FÍGADO


O fígado pode ser até totalmente remodelado, embora felizmente mantenha todas as funções preservadas. Observam-se sulcos em sua superfície (impressão torácica - marca das costelas no órgão) provocados pela compressão. Em alguns casos observa-se um lobo extra (o fígado é divido em vários lobos) praticamente independente e pendendo na cavidade abdominal. Este lobo provocado pelo corset já foi descrito na literatura e é removido cirurgicamente.

Nem todas querem chegar a um extremo, tenha isso em mente quando falar "mal" sobre TL

ESTÔMAGO

O estômago muda para uma posição mais vertical e adota uma forma de ampulheta.

RINS


Os rins são empurrados para baixo.

The Washington Herald, June 27, 1909


INTESTINOS


Os intestinos são pressionados contra a pelvis e ficam desalojados, particularmente o intestino grosso transverso, prejudicando a digestão.

Gibson Girl
Muitas jovens durante o século 19 voluntariamente praticaram o waist training contínuo, algumas delas até durante a noite, então os orgãos internos tiveram um amplo prazo para se adaptar à cintura dramaticamente pequena, preservando suas funções normais. É notável que o treino durante muitos anos provocava um desconforto temporário e não uma dor torturante, o que as mulheres modernas imaginavam ao ver as imagens antigas de mulheres com corsets no formato ampulheta ou "wasp waist". Na época, não usar o corset era considerado imoral.

A mudança corporal das jovens através do treino as prepararam para os novos modelos de roupas "Gibson", necessitanco o uso do corset em forma de S ou frente reta - peça que forçava drasticamente a postura da mulher, inclinando-se para frente. O corpo era forçado contra um longo e inflexível busk, empurrando e achatando o estômago, assim forçando o busto inflado para frente. Este modelo ainda forçava as costas para frente, potencializando o efeito do busk.

fonte: http://www.staylace.com/medicaladvice/med_i.htm


O problema do tightlacing não é ele em si, e sim o bom senso de quem o pratica.


Tudo em excesso faz mal. O usuário do corset para a pratica do TL tem que ter comprometimento, paciência e exige muito esforço para que os resultados sejam satisfatórios. "Gradual" é a palavra chave que comanda o seu treino, é preciso tempo para que seu corpo acostume com a pressão do corset. Sem estes fatores, todos seus esforços serão em vão (leia mais aqui).


Ah, e não se esqueça, na lateral do blog você encontra diversos links para os tópicos mais importantes, caso esteja no celular - basta clicar aqui. Todos os links estão na medida do possível organizados por nível de importância, desde coisas para saber antes de compra um corset como depois de comprar um corset, tem tudo que você precisa de informação para iniciar a prática.

Sobre a necessidade dos exercícios de KEGEL e o TL EXAGERADO que inclusive excedem o número de horas recomendado

Homem - Tight Lacing Extremo.


PARA COMPLETAR


• Um pequeno guia para o TL (para as mais radicais)
• Consequências do TL depois de muito tempo praticando
Sugestão de exercícios para lacers (no final tem sobre lacer extremas)
Com e sem corset
• Sugestão de exercícios para tightlacers
Seja sensata na hora de colocar uma meta para seu TL
• Que médicos devo procurar para saber se posso fazer o Tight Lacing?
A influência do uso do corset na morfologia de suas usuárias no período Vitoriano
• Manchas na pele e o Tight Lacing 
A silhueta das corsets
• Como o corpo fica por dentro quando se está de corset? (o que tem mais atual sobre como fica o corpo quando se está de corset)


UPDATE


00/00/00 - Como vi algumas dúvidas meio parecidas nos grupos onde publiquei o link deste texto vou escrever aqui também.

Como é que a Cathie Jung ficou com este corpo? 

Pois bem, ela é um caso EXTREMO, desde 1983 ela pratica o Tight Lacing sem fazer exercícios, exagerando no aperto e usando corsets com modelagem de época, no caso os Vitorianos (clique aqui para ver mais detalhes).

Como está a saúde dela?

Segundo o marido dela, que é cirurgião ortopédico a saúde de Cathie está ok, mas convenhamos, alguém que já é dependente do corset não acredito que seja algo relativamente saudável.

Se você quer saber mais detalhes ela mantém um site como todo o histórico dela, fotos, raio-x etc, clique aqui.

27/07/16 - Há muitos anos atrás só tinha visto uma imagem dela preto e branco dela de lado. Sem querer hoje achei um curto video que mostra Cathie Jung SEM CORSET, pra quem tem curisiosidade tá ai ;). Tem outro tópico sobre este assunto "com e sem corset", clique aqui.




CURIOSIDADES QUE APARECEM NO VIDEO 

- Agora já fazem 35 anos que Cathie Jung usa corsets (video de 2015)

- Sim, a barriga dela mais abaixo é o resultado de um TL EXTREMO + o modelo de corset que ela usa (vitorianos, clique aqui para saber mais) que fez com que todos os orgãos fossem para aquela parte do corpo devido ao exagero do aperto na região da cintura.

- Ela leva 2 horas para colocar o corset. Acredito que o fator idade tem muita influência nisso, as limitações nas articulações e força dos músculos do corpo com a idade é natural acontecer e é agravado quando a pessoa teve uma vida sedentária.

- Repare que ela usa uma película protetora na lateral da cintura. Como certa vez vi sendo usado na minha avó no hospital, andei pesquisando e vi que isso é um curativo para prevenir escarras e úlceras de pressão.

26/NOV/2016 -

O exagero velado nos grupos de TL


Que exagero e excessos fazem mal, isso é notório, até água em excesso faz mal. Que cada um faz o que bem quiser com o próprio corpo também, CONTUDO, que saiba das consequências, certo? Sim, mas cuidado, evite publicar links sobre assunto em tópico de lacer extrema para quem se interessa sobre o assunto... em uma foto de uma tight lacer extrema surgiu o seguinte comentário...
depois que vi que minha última mensagem não foi por terem tracado o tópico, editei a anterior e desegui o tópico.

Interessante como a percepção de ter "saúde" e de "saudável (definição: fazer bem ao corpo)" parece que é diferente culturalmente falando. Eu por exemplo, acho estranho alguém com uma doença, nem que for genética ou até ter endormetriose, falar que tem uma saúde perfeita, é como se estivesse mentindo. Para outras, o fato de estar mentalmente feliz, estando com exames básicos ok, pra ela isso já remete a uma saúde perfeita... Bom, foi o que acabei falando indiretamente no primeiro comentário que fiz, mas faltou pensamento cognitivo das colegas (algo bem corriqueiro por sinal).

Enfim, uma pena que da falta de contra argumentos bem mais interessantes foi tão grande por parte da admin pelo simples fato que não tinha tempo de LER e acabou perdendo precioso tempo para falar o ÓBVIO e demostrando que mesmo que o assunto que merece dar mais info sobre seja encarado de forma superficial pelo fato que quem quiser que vá atrás da info, afinal ela já está no grupo. A vontade de demonstrar um certo poder com discurso vazio de "o grupo não é seu" (sendo q também ñ é dela e sim de todos q participam dele) foi a pérola que faltavaZzzzzZzzzz

Deletar spam, tirar e banir gente de grupo é sempre fácil, difícil é postar conteúdo relevante e que agregue de fato um grupo, né não? Pena que pra esta admin e pra meio gatos pingados que conta-se em poucos dedos de uma mão é blábláblá, por mais que este seja BEMMMM embasado... ¯\_(ツ)_/¯ Tsc Tsc ... E segue o enterro....

ps.: este lance de "tl extremo responsável e saudável" é tão engraçado, pois as palavras juntas por si só não fazem o MÍNIMO sentido. Se você aí pensar bem, quem quer diminuir a cintura e é responsável de fato MESMO não vai optar por uma modificação corporal óssea, maioria dos médicos condenam e eles tem seus motivos, a pessoa vai pra um tratamento estético qualquer, dieta ou outra coisa. Se pessoas que fazem um TL seguindo recomendações básicas já apresentam problemas que constantemente se tem relato de dor ou outras coisas em grupos do facebook ou pela internet. Imagina quando há EXAGERO / EXTREMO / EXCESSOS?

Pessoas que optam pelo TL querem causar o MINIMO de danos no corpo durante a prática, isso NÃO QUER DIZER que o corpo não está sofrendo danos, imagina isso quando se há EXAGERO / EXTREMO / EXCESSOS envolvidos?

Mas é complicada pra esta tchurma ter este tipo de raciocínio para ao menos entender o por quê certas colocações em torno do tema são feitas e conseguir conviver de forma adulta com um outro ponto de vista de um mesmo assunto... é bem mais fácil e simplório para elas pensarem que as pessoas tem "recalque e inveja" dela, que "estão cuidando da vida dela" ou que mesmo as colocações são feitas apenas pra falar dela e não do tema em si (egocentrismo manda lembrança)... mas vai saber né, se é o excesso de aperto que não está afetando a ida de sangue pro cérebro funcionar direitinho ¯\_(ツ)_/¯




6 comentários:

Dri disse...

Boa matéria. Sou super a favor que tudo que fizermos na nossa vida, principalmente o que envolve nossa saúde e bem-estar, deve antes ser estudado e pensar principalmente nos efeitos a longo prazo. Hoje vivemos uma cultura imediatista, queremos tudo para agora e só pensamos no hoje, como se o amanhã nunca chegasse ou como se não nos importássemos com o amanhã...

Aline Perrota Melo disse...

Adorei, esse blog é demais!

tharusca thaiane disse...

Achei interessante essa película protetora que a Cathie usa. Tem um nome específico para esse material?

Anita Santos disse...

Eu acho extremamente anti profissional, no mesmo grau de cirurgiões que aceitam fazer plastica na Donatella Versace, corsetmaker que vende corset para mulher com cintura menor que 60cm.

Iris • IFD disse...

Dependendo do biotipo da pessoa está ok corsets para cinturas menores que 60, CONTUDO vejo que tem grife se empenhando BASTANTE em ser reconhecida como grife que causa mais deformações totalmente descabidas em quem quer seguir o extremo... saber o minimo de anatomia está fazendo o pessoal admirar bastante extremos assim bem como pessoas a fazer corsets com modelagens bem perigosas para saúde futura de suas clientes... ¯\_(ツ)_/¯ complicado!

Iris • IFD disse...

Tharusca, infelizmente esqueci o nome da marca (tem algumas), mas se pesquisar por "película escarras ulcera de pressão" acha pelo google.

Postar um comentário